terça-feira, 3 de janeiro de 2017

Copinha 2017 - Portões fechados em Atibaia

Com a colaboração de Mario C. Gonçalves e Lilian de Oliveira

Arquibancada vazia: presença de público no foi proibida pela Justiça (foto: Mario C. Gonçalves)

A dúvida persistiu até os "45' do segundo tempo". Quem conhece o futebol paulista sabia que o Estádio Salvador Russani, em Atibaia, não tinha condições de receber os jogos da Copa São Paulo de Futebol Júnior, já que o muro do local caiu duas vezes em 2016. E, apesar de até cogitarem em jogar na vizinha Bragança Paulista (como foi falado no mini-guia da competição em O Curioso do Futebol), as partidas foram confirmadas e adivinha o que aconteceu: Os confrontos entre SC Atibaia e ABC e Vitória e Atlético Goianiense foram realizados com portões fechados.

Uma decisão da Justiça da cidade proibiu a presença de público no estádio e, por isso, a Federação Paulista de Futebol teve que evitar ao máximo a presença de pessoas no local. Só para se ter uma ideia, apenas jogadores, comissão técnica, arbitragem, alguns dirigentes, equipes de televisão e o pessoal que iria trabalhar na partida (gandulas, médico, policiamento, etc..) tiveram acesso ao estádio. Teve presidente de clube e membros de outras agremiações que ficaram de fora, mesmo credenciados.

Torcedores ficaram na laje de um prédio em frente ao estádio
(foto: Lilian de Oliveira)

A revolta foi grande, criticando a falta de organização da cidade, ao indicar um local sem condições para a presença de pública, e também com a Federação Paulista de Futebol, que mesmo sabendo de todos os problemas do Estádio Salvador Russani (se o SC Atibaia não pode jogar ali na Série A-3, por que na Copa São Paulo pode?), o escolheu como sede da mais tradicional competição Sub-20 do país.

Bom, quem não queria perder as partidas, acabou dando um jeito para acompanhá-las. A laje de um prédio de dois andares em frente ao estádio ficou lotado de torcedores e até alguns profissionais da imprensa que foram impedidos de entrar. O local, improvisado, acabou virando um belo camarote ao ar livre.

Atibaia e ABC empataram em 0 a 0
(foto: Mario C. Gonçalves)

Bom, apesar dos portões fechados, a bola rolou no Salvador Russani. O primeiro jogo da rodada dupla tinha o embate entre o time da casa, o SC Atibaia, contra o ABC de Natal. Apesar da expectativa, esta 'peleja' ficou longe de ser fraca, sinceramente. O calor contribuiu para o péssimo futebol de ambas as equipes e logo em um dos primeiros jogos de 2017, temos um grande concorrente para um dos piores do ano. Como 'prêmio' para isto tudo, um placar de 0 a 0 triste.

Já a partida de fundo colocava frente a frente o Vitória, que sempre foi conhecido por ter uma boa categoria de base, e o Atlético Goianiense, que queria provar ser o time mais forte da chave. Porém, o que se viu dentro de campo foi um domínio dos baianos.

O Vitória jogou melhor e venceu o Atlético por 2 a 0
(foto: Mario C. Gonçalves)

Aos 26 minutos, em um ataque do Vitória, Silva jogou contra o próprio patrimônio e marcou a favor dos baianos, o único gol da primeira etapa. No segundo tempo, o Rubro Negro continuou tomando conta das ações e balançou novamente as redes aos 25', com Hércules. Ao final dos 90 minutos, Vitória 2, Atlético Goianiense 0.

A próxima rodada está marcada para quinta-feira, dia 5. Às 14 horas, o SC Atibaia enfrenta o Atlético Goianiense. Em seguida, o Vitória encara o ABC de Natal. Agora, só falta saber se vão manter os jogos no Salvador Russani ou vão transferir para o Estádio Nabi Abi Chedid, em Bragança Paulista. Com a palavra, a Federação Paulista de Futebol.
←  Anterior Proxima  → Inicio

0 comentários:

Postar um comentário

O Curioso do Futebol

O Curioso do Futebol
Site do jornalista Victor de Andrade e colaboradores com curiosidades, histórias e outras informações do mundo do futebol. Entre em contato conosco: victorcuriosofutebol@gmail.com

Facebook

Twitter

YouTube

Aceisp

Total de visualizações