domingo, 18 de dezembro de 2016

Real Madrid campeão do mundo contra um valente Kashima Antlers

Real Madrid enfrentou dificuldades para vencer o Kashima Antlers (fotos: Getty Images / Fifa)

Apesar das nuances da partida, no final acabou dando a lógica. O Real Madrid conquistou a Copa do Mundo de Clubes de 2016 ao vencer o Kashima Antlers por 4 a 2, precisando da prorrogação, em partida realizada neste domingo, no Estádio Internacional de Yokohama, no Japão. Porém, o time espanhol não teve vida fácil!

Todos esperavam um passeio dos Merengues em terras japonesas. A verdade é que já na semifinal, contra o América, o Real Madrid já não teve uma grande apresentação e faltou um pouco mais de ímpeto para os mexicanos dificultarem mais o trabalho da equipe dirigida por Zidane, que naquela oportunidade poupou alguns titulares.

Já o Kashima Antlers era a grande surpresa da competição. Os japoneses passaram pelo Auckland City, da Nova Zelândia, e Mamelodi Sundowns, da África do Sul, até encararem o Atlético Nacional, campeão da Libertadores de América. Os japoneses sofreram pressão no primeiro tempo, fizeram o gol inaugurou em um pênalti para lá de polêmico (que usou o recurso de vídeo, que não viu o jogador que sofreu a falta impedido), mas na segunda etapa fizeram um sonoro 3 a 0.

Na partida de hoje, o Real Madrid mostrou toda a sua força logo aos 9 minutos, com o gol de Benzema. Porém, achando que o título estava seguro, o time espanhol diminuiu o ritmo e os japoneses começaram a gostar do jogo. Aos 44 minutos, Shibasaki, após bate rebate na área, igualou o marcador.

Japoneses comemoram um dos gols no jogo

O gol antes do intervalo deu ânimo ao Kashima Antlers, que voltou para a segunda etapa acreditando que dava para conquistar o título mundial. A crença ficou perto da realidade aos 7 minutos do segundo tempo, quando depois de uma bola roubada na intermediária, o mesmo Shibasaki acertou um tiro rasteiro forte, que foi no canto direito do goleiro Keylor Navas: Kashima Antlers 2 a 1.

Com o tento sofrido, o Real Madrid acordou e chegou à igualdade no marcador oito minutos depois, quando Benzema foi derrubado dentro da área: pênalti! Cristiano Ronaldo, que estava sumido na partida, foi para a cobrança e balançou as redes: 2 a 2.

Quando a partida já estava encaminhando para os minutos finais, veio o lance que poderia ter mudado a história do jogo: Sérgio Ramos, que já tinha cartão amarelo, matou o contra-ataque japonês no meio de campo. O árbitro Janny Sikazwe, da Zâmbia, chegou a botar a mão no bolso, mas, literalmente, 'amarelou' após perceber que o jogador do Real Madrid já tinha cartão. Já imaginou uma prorrogação com o time espanhol com um atleta a menos em campo?

Porém, antes dos 30 minutos de tempo extra, o Kashima Antlers resolveu arriscar e tentar o terceiro gol e por muito pouco não conseguiu. Keylor Navas, ao menos em duas oportunidades, evitou o tento que daria o título mundial aos japoneses. Realmente faltou pouco para acontecer uma zebra em Yokohama.

Já no primeiro tempo da prorrogação, o Real Madrid, mais precisamente com Cristiano Ronaldo, que apesar do gol de pênalti, ainda estava apagado na partida, fez questão de colocar a zebra japonesa na jaula. Aos 8 e 14 do tempo extra, o craque português balançou as redes e deu números finais ao jogo: 4 a 2 para o Real Madrid, que ganhou o Mundial de Clubes mais uma vez.

Ogasawara na disputa de bola

Ficha Técnica

REAL MADRID 4 X 2 (pro) KASHIMA ANTLERS

Data: 18 de dezembro de 2016
Local: Estádio Internacional de Yokohama - Japão
Público: 68.742
Árbitro: Jenny Sikazwe (Zâmbia)
Assistentes: Jenson dos Santos (Angola) e Marwa Range (Quênia)

Cartões Amarelos
Real Madrid: Dani Carvajal e Sergio Ramos e Casemiro
Kashima Antlers: Shuto Yamamoto e Fabrício

Gols
Real Madrid: Benzema, aos 9' do primeiro tempo. Cristiano Ronaldo, aos 14' da segunda etapa e aos 8' e 14' do primeiro tempo da prorrogação.
Kashima Antlers: Shibasaki, aos 44' do primeiro tempo e aos 7' da segunda etapa.

Real Madrid: Keylor Navas; Carvajal, Sergio Ramos (Nacho), Varane e Marcelo; Modric (Kovacic), Casemiro e Kroos; Vazquez (Isco), Benzema e Cristiano Ronaldo (Morata) - Técnico: Zidenide Zidane.

Kashima Antlers: Sogahata; Nishi, Ueda, Shoji e Yamamoto; Endo (Ito), Nagaki (Akasaki), Ogasawara (Fabricio) e Shibasaki; Kanazaki e Doi - Técnico: Ishii Masatada.
←  Anterior Proxima  → Inicio

0 comentários:

Postar um comentário

O Curioso do Futebol

O Curioso do Futebol
Site do jornalista Victor de Andrade e colaboradores com curiosidades, histórias e outras informações do mundo do futebol. Entre em contato conosco: victorcuriosofutebol@gmail.com

Facebook

Twitter

YouTube

Aceisp

Total de visualizações