sábado, 7 de maio de 2016

Em jogo equilibrado, Mauaense e Briosa ficam no zero no Pedro Benedetti

A Briosa chegava nas bolas alçadas na área

Em jogo equilibrado, com bastante disputa de bola na intermediária, Mauaense e Portuguesa Santista empataram sem gols em jogo realizado na tarde deste sábado, dia 7, no Estádio Pedro Benedetti, em Mauá, no Grande ABC, pelo Grupo 4 do Campeonato Paulista da Segunda Divisão, a popular Bezinha. O resultado não foi bom para ambas as equipes, que caíram uma posição cada na classificação do Grupo 4 da competição.

O Grêmio Mauaense fazia seu segundo jogo em casa na competição e buscava a reabilitação. Depois de duas vitórias, a equipe do ABC Paulista foi derrotada fora de casa pela AD Guarulhos, a líder do Grupo 4. Já a Portuguesa Santista foi até Mauá buscando manter a boa fase, já que venceu os dois jogos anteriores apresentando um bom futebol.

Kauê foi uma boa opção para a Portuguesa pela esquerda

O jogo iniciou equilibrado, com as duas equipes se estudando e fazendo a disputa de domínio do meio de campo. O primeiro ataque aconteceu apenas com 18 minutos e foi da Portuguesa. Ricardinho fez bela jogada pela direita e, de canhota, para Romário, que cabeceou firme, mas o goleiro do Mauense, Thiago, defendeu sem dificuldades.

Aos 27 minutos, a Briosa chegou novamente ao ataque, fazendo com que o arqueiro do time da casa trabalhasse novamente. Em cobrança de lateral pela direita, Matheus jogou a bola na área, Romário deu um leve desvio, fazendo com que Thiago praticasse uma boa defesa. Depois do lance, a Portuguesa continuou com mais ímpeto, principalmente com as jogadas de Kauê e Ricardinho.

Zaga do Mauaense trabalhando

Porém, o Mauaense começou a equilibrar as ações novamente e chegou com perigo aos 38. Tiago Cardoso recebeu na entrada da área e arriscou um chute rasteiro no canto direito de Rogério, que se esticou todo e defendeu firme. Em seguida, o mesmo Tiago Cardoso invadiu a área, trombou com o zagueiro Alisson e caiu. Os jogadores do Mauaense pediram pênalti, mas o árbitro Rodrigo Pinelli mandou seguir o jogo.

O último lance de perigo da primeira etapa foi da equipe da casa, aos 41. Depois de bela triangulação, Charles recebeu a bola dentro da área e chutou forte. Porém, Rogério evitou o gol do Mauaense. Fim dos 45 minutos iniciais e 0 a 0 no placar.

Sillas fazendo jogada pela esquerda

No intervalo, encontrei vários amigos, como Luiz Gustavo Folego, Rafael Lima, Diel Rodrigues, Bruno Filandra Lopes, Ricardo Russini Pucci, Ricardo Espina, Raul Weides Burgos e Genilton Lucas. Na torcida da Portuguesa, além da Força Rubro Verde (sempre presente), Marcos Coimbra e seu filho Igor, além da presença ilustre do vice-prefeito de Cubatão, Donizete Tavares. Torcedor da Briosa e acostumado a ver o time inclusive nos jogos fora de casa, Donizete estava acompanhado de seus amigos.

No segundo tempo, a temperatura caiu e o ritmo dos dois times também. O Mauaense até tinha mais posse de bola, mas não chegava com tanta força no ataque. Já a Portuguesa chegou com perigo aos 9 minutos. Em falta cobrada pela direita, Ricardinho alçou a bola na área e Pedrão cabeceou para fora.

No segundo tempo, o bola ficou mais na intermediária

Aos 12, por pouco a Briosa não abriu o marcador. Em lance de bola parada pela esquerda, Kauê cruzou na área, a 'pelota' passou por todo mundo e tirou tinta da trave defendida por Thiago. Depois deste lance, a partida entrou no marasmo e só voltou a pegar fogo nos minutos finais. A Portuguesa teve uma chance aos 39 minutos. Depois de bate-rebate na área, a bola sobrou para Ricardinho, que chutou prensado, facilitando a defesa de Thiago.

Mas a grande chance da partida aconteceu aos 44 minutos. E foi do Mauaense! Em falta pela esquerda que não existiu, Erik alçou a bola na área e Guilherme subiu mais que todo mundo, cabeceando a bola com firmeza no canto. Porém, Rogério, esperto, se esticou todo, fazendo uma brilhante defesa, salvando a Briosa, que até agora é a único dos 32 times da Bezinha que não sofreu gol. Ao final da partida, 0 a 0 no placar.

O goleiro Rogério falou com O Curioso do Futebol ao final da partida

Com o empate, o Mauaense foi a sete pontos e, com a vitória do São Bernardo sobre o Manthiqueira, por 3 a 1, caiu de terceiro para quarto no Grupo 4 da competição. Agora, a equipe do ABC enfrenta o Jabaquara no próximo sábado, dia 14,às 15 horas, novamente no Estádio Pedro Benedetti. Já a Portuguesa Santista foi a oito pontos e ocupa o terceiro lugar na mesma chave. A Briosa vai enfrentar o Bernô na próxima sexta-feira, dia 13, às 20 horas, no Estádio Ulrico Mursa, em Santos.

Ficha Técnica

MAUAENSE 0 X 0 PORTUGUESA SANTISTA

Data: 7 de maio de 2016.
Local: Estádio Pedro Benedetti - Santos-SP.
Público: 183 pagantes.
Árbitro: Rodrigo Pinelli.
Assistentes: Marco Antônio Motta Júnior e Claudemir de Araújo Silva.

Cartões Amarelos:
Mauaense: Erik, Tiago Cardoso, Léo e Samuel.
Portuguesa Santista: Pedrão.

Mauaense: Thiago; Matheus Peu, Ronaldo, Guilherme e Erik; Léo, Samuel, Milton e Vinícius (Alessandro); Tiago Cardoso (Vitinho) e Charles - Técnico: Fernando Rodrigo

Portuguesa Santista: Rogério; Matheus, Lucão, Alisson e Vinícius; Pedrão, Carlos Alberto e Ricardinho; Kauê (Lucas Lino), Romário (Willian) e Sillas (Léo Pará) - Técnico: Ricardo Costa.
←  Anterior Proxima  → Inicio

2 comentários:

  1. VICTOR,MEU NOME É ALEXANDRE MORO EM CAMPINAS E SOU ADMIRADOR DE FUTEBOL,ME TORNEI PROFESSOR DE EDUCAÇÃO FISÍCA EM RAZÃO DISSO,TENHO ACOMPANHADO A CARREIRA DO JEAN CHERA DA FORMA QUE POSSO ,AMIGO O QUE ACONTECE COM ELE QUE NÃO JOGA? GOSTEI DA SUA PAGINA ENCONTREI BOAS INFORMAÇÕES AQUI.

    ResponderExcluir

O Curioso do Futebol

O Curioso do Futebol
Site do jornalista Victor de Andrade e colaboradores com curiosidades, histórias e outras informações do mundo do futebol. Entre em contato conosco: victorcuriosofutebol@gmail.com

Facebook

Twitter

YouTube

Aceisp

Total de visualizações