segunda-feira, 25 de abril de 2016

Sertãozinho vence Flamengo em Guarulhos e 'põe um pé' na Série A-2

Por Ricardo Russini Pucci* e informações da Assessoria de Imprensa do Flamengo

Flamengo perdeu um pênalti no final do jogo

O Sertãozinho está muito próximo de conseguir o acesso para o Campeonato Paulista da Série A-2. Em jogo realizado na manhã do último domingo, dia 24, pela Série A-3, a equipe do interior foi até Guarulhos e derrotou o Flamengo por 1 a 0, abrindo cinco pontos de vantagem para o rival no Grupo 2 da Segunda Fase da competição.

O jogo era de fundamental importância para as duas equipes na competição. Melhor campanha da primeira fase, onde perdeu apenas uma partida, o Flamengo de Guarulhos fez cinco pontos nos três primeiros jogos da atual etapa do campeonato e precisava da vitória para assumir a liderança. O Sertãozinho, primeiro colocado com sete pontos, foi para a Grande São Paulo pensando em manter o atual posto.

Bom público nas arquibancadas

O Estádio Antônio Soares de Oliveira estava com um bom público. Devido ao projeto Futebol Sustentável, onde você pode trocar garrafas pet por ingressos, 3.736 pessoas foram apoiar o corvo na caminhada em busca do acesso à Série A-2.

A partida começou movimentada. Logo no primeiro minuto, André Bilinha ergueu a cabeça e executou um lançamento primoroso para Arthur Santos. O camisa 2 cruzou na medida, e Tom, de cabeça, testou firme: Márcio defendeu. A resposta veio com seis jogados: Mateus Cancian arriscou da intermediária e exigiu grande intervenção de Wagner.

Jogo foi bem movimentado

Aos poucos, o Corvo dominou o Touro dos Canaviais e criou grandes oportunidades para tirar o zero do marcador. Aos nove minutos, Ingro girou sobre a marcação interiorana e chutou próximo à trave direita de Márcio. Com 16 jogados, Milton Junior quase protagonizou um gol olímpico, cobrando escanteio fechado do setor esquerdo. O arqueiro sertanezino, atento, espalmou com firmeza. O camisa 1 visitante voltou a aparecer com protagonismo aos 20: em outro lançamento magistral de André Bilinha, Tom recebeu com liberdade na área, mas finalizou mascado, facilitando a defesa do adversário.

Após a parada técnica decretada pelo árbitro Rodrigo Gomes Paes Domingues, Tom criou duas boas oportunidades, aos 31 e 35 minutos. Na primeira, o guarulhense aproveitou bom lateral cobrado por Arthur Santos e chutou firme. Márcio, atento, defendeu. Na sequência, o camisa 8 acabou desarmado na área, depois de linda jogada construída por Ingro. Antes do final do primeiro tempo, Wagner protagonizou uma bela defesa para manter o placar zerado. O camisa 1 voou no canto direito e espalmou um petardo desferido por Alemão em cobrança de falta.

Calor castigou as duas equipes

Durante a segunda etapa, castigadas pelo calor, as duas equipes protagonizaram um jogo franco. Aos 17 minutos, Igor Prado realizou um desarme cirúrgico, em contragolpe arquitetado por Mateus Cancian, e salvou o Flamengo. Com 26 jogados, a resposta: Ingro aproveitou sobra de bola na área, girou com classe sobre a marcação e chutou forte. O disparo passou com perigo, próximo à trave esquerda.

Quando o relógio apontou a marca dos 36, o Sertãozinho abriu o placar em Guarulhos. Aproveitando escanteio cobrado do setor esquerdo, Rafael desviou de cabeça e serviu Alemão, que chutou forte, de primeira, sem dar chances de defesa a Wagner.

A chance do Flamengo igualar o placar veio aos 43 minutos: após lateral-escanteio cobrado por Arthur Santos, Neizinho tentou emendar um voleio e viu a marcação grená desviar a conclusão acrobática com a mão. O árbitro marcou pênalti, e Daniel Bueno se encarregou da cobrança. Porém, o camisa 11 e artilheiro rubro-negro viu Márcio fazer a defesa e salvar o Sertãozinho. O arqueiro voou no canto direito, à meia altura, para espalmar, selando o triunfo dos visitantes.

Resultado final decepcionou a torcida

Agora, o Flamengo não depende mais de si para conquistar o acesso. O Corvo volta a campo nesta quarta-feira, às 15 horas, para enfrentar a Matonense, no estádio Hudson Buck Ferreira, em Matão. A Águia alviazul é a lanterna do grupo, com três pontos.

Já o Sertãozinho, que precisa de apenas uma vitória nos dois últimos jogos para conquistar o acesso, também joga na próxima quarta-feira na Grande Metrópole. Às 15 horas, a equipe do interior enfrenta o Nacional, que tem quatro pontos, no Estádio Nicolau Alayon, em São Paulo.

Ficha Técnica

FLAMENGO 0 x 1 SERTÃOZINHO

Data: 24 de abril de 2016.
Local: Estádio Antônio Soares de Oliveira - Guarulhos-SP
Público: 3.736 pessoas.
Renda: R$ 18.980,00.
Árbitro: Rodrigo Gomes Paes Domingues.
Auxiliares: Bruno Salgado Rizo e Daniel Luís Marques.

Cartões amarelos:
Flamengo: Ingro, Welington Carioca e André Bilinha
Sertãozino: Edu Pina e Alemão.

Gol:
Sertãozinho: Alemão, aos 36' do segundo tempo.

Flamengo: Wagner; Arthur Santos, Carlão, Igor Prado e Welington Carioca; Arthur, André Bilinha e Milton Junior (Lauder Perez); Ingro (Neizinho), Tom (Felipe Desco) e Daniel Bueno - Técnico: Rogério Delgado.

Sertãozinho: Márcio; Magnum, Fredson, Alemão e Edu Pina (Rafael); Nildo, Mateus Cancian, Fábio Gomes e Michel Cury (Tito); Luan e Felipe (Jônatas) - Técnico: José Carlos Serrão.
←  Anterior Proxima  → Inicio

0 comentários:

Postar um comentário

O Curioso do Futebol

O Curioso do Futebol
Site do jornalista Victor de Andrade e colaboradores com curiosidades, histórias e outras informações do mundo do futebol. Entre em contato conosco: victorcuriosofutebol@gmail.com

Facebook

Twitter

YouTube

Aceisp

Total de visualizações