quinta-feira, 24 de março de 2016

6 a 0! Sereias da Vila foram implacáveis com a Lusa

Sereias dominaram a partida

Depois de um empate inesperado no fim de semana contra o Juventus, as Sereias da Vila, equipe de Futebol Feminino do Santos FC, voltaram a vencer na Copa Ouro de Futebol Feminino, torneio organizado pela Associação Paulista de Futebol (APF), e de forma implacável: 6 a 0 contra a Portuguesa, em partida realizada na manhã desta quinta-feira, 24 de março, no CT Meninos da Vila, na Baixada Santista. O resultado garantiu o Alvinegro na final do torneio.

Na competição, as Sereias estrearam com vitória contra o Centro Olímpico, por 3 a 0, e depois empataram em 1 a 1 com o Juventus. Já a Lusa estreou vencendo a equipe da Moóca, 4 a 1, e foi derrotada pelo Centro Olímpico por 1 a 0. Quem vencesse, estaria na decisão da Copa Ouro. O Santos jogava pelo empate.

Tcheury marcando primeiro gol da partida

Logo no início da partida, as Sereias mostraram que queriam apresentar um futebol melhor do que na última partida e dominaram as ações, com muito toque de bola. A Lusa sentia a saída de algumas jogadoras do elenco, que acabaram indo para outras equipes que irão disputar o Campeonato Paulista. Ainda no começo, Ketlen caiu dentro da área, em lance duvidoso, mas a árbitra Fernanda dos Santos Ignácio nada marcou.

O Santos mostrava tanta superioridade que o gol era uma questão de tempo. E ele saiu aos 25 minutos. Em boa trama no meio de campo, Tcheury saiu sozinha na cara da goleira Gabi e teve tranquilidade para finalizar. Santos 1 a 0. As Sereias não tiraram o pé e chegaram e novamente Tcheury, aos 34, fez o segundo, após bela jogada de Giovana pela direita, a bola sobrou para a atacante, que não perdoou.

Giovana fazia belas jogadas pela direita

Com 2 a 0 no placar, foi a vez de outra avante santista, Ketlen, marcar duas vezes. Aos 37, Chai caiu pela direita e, de canhota, cruzou na cabeça da atacante alvinegra: 3 a 0 para o Santos. Seis minutos depois, a volante Sandrinha fez jogada pela esquerda e, com a perna destra, achou Ketlen sozinha, que testou para as redes.

Antes de terminar o primeiro tempo, Lucélia, atacante da Lusa, e Calan, a zagueira das Sereias, tiveram um entrevero e ambas as atletas receberam cartão amarelo. Com isso, o jogo foi para o intervalo com o placar de 4 a 0 para as Sereias.

Durante a pausa, tive uma boa conversa com Alexandre Prieto, Pedro Ernesto Guerra Azevedo, assessor de imprensa e fotógrafo do Santos FC, e Edson de Lima, gestor esportivo, que conheci pessoalmente durante o jogo.

Na segunda etapa, o Santos continuou dominando

Voltando à partida, as Sereias da Vila não diminuíram o ritmo. Logo no início, Karen, que entrou no intervalo no lugar de Moretti, acertou um belo chute de fora da área, que obrigou Michelle, que substituiu Gabi, a fazer uma grande defesa. A Lusa não reagia e, assim como no primeiro tempo, pouco conseguia atacar.

A partida deu uma esfriada e o técnico das Sereias, Caio Couto, que novamente sofreu protestos de membros torcida organizada do Santos, mudou praticamente toda a equipe para fazer novos testes. Com as jogadoras do banco querendo mostrar serviço, o Alvinegro praiano voltou a atacar de forma contundente.

Sexto gol do Santos

O Santos chegou ao quinto gol aos 34 minutos. Cida recebeu na intermediária e arriscou o chute de longa distância, a bola desviou na zaga da Lusa e 'matou' a goleira Michelle. Em seguida, Karen acertou um tirombaço no travessão.

As Sereias conseguiram marcar mais um tento com um pênalti meio 'mandrake' marcado pela árbitra Fernanda dos Santos Ignácio. Erikinha, que não tinha nada a ver com a marcação, bateu com perfeição, aos 45 minutos, e deu números finais à partida: Santos 6, Portuguesa 0.

A volante Brenda, de apenas 15 anos, e a meia argentina Laura

Apesar da derrota, vale destacar duas jogadoras da Portuguesa que estavam no banco de reservas e entraram durante a partida. A primeira é a volante Brenda, de apenas 15 anos, que é considerada uma das grandes jóias do Futebol Feminino brasileiro. A outra é a atacante Laura Villanueva. Nascida na cidade de Mar del Plata, na Argentina, ela veio para o Brasil a trabalho, fez um testa na Lusa, passou e hoje faz parte do elenco da equipe.

Com a vitória, o Santos se garantiu na final da competição e vai enfrentar o Centro Olímpico, que venceu o Juventus nesta quinta-feira, por 1 a 0, com gol de Marjorie, aos 31 minutos do segundo tempo, em partida realizada em São Paulo. A data e local da decisão ainda serão confirmadas pela Associação Paulista de Futebol.

Final: Santos 6 a 0

Ficha Técnica

SANTOS 6 X 0 PORTUGUESA

Data: 24 de março de 2016
Local: CT Meninos da Vila

Árbitra: Fernanda dos Santos Ignácio
Assistentes: Gilmar Alves dos Santos e Luana Dias dos Santos

Cartões Amarelos: Calan (Santos) e Lucelia (Portuguesa)

Gols: Tcheury, aos 25' e 34' e Ketlen, aos 37' e 43' do 1T. Cida, aos 34', e Erikinha (pênalti), aos 45' 2T. Todos para o Santos.

SANTOS FC: Dani (Patricia); Giovana (Katiuscia), Calan (Camila), Auinã (Carol Arruda) e Dani Silva (Natane); Kelly, Sandrinha (Cida), Moretti (Karen) e Chai (Rosane); Tcheury (Erikinha) e Ketlen (Raquel) - Técnico: Caio Couto.

PORTUGUESA: Gabi (Michelle); Naty, Edna, Dani e Nathalia (Kris); Nega, Karolzinha (Brenda), Flávia (Laura), Thais (Baiana) e Giulliana; Lucélia (Marina) - Técnico: Prisco Palumbo.
←  Anterior Proxima  → Inicio

0 comentários:

Postar um comentário

O Curioso do Futebol

O Curioso do Futebol
Site do jornalista Victor de Andrade e colaboradores com curiosidades, histórias e outras informações do mundo do futebol. Entre em contato conosco: victorcuriosofutebol@gmail.com

Facebook

Twitter

YouTube

Aceisp

Total de visualizações