segunda-feira, 29 de fevereiro de 2016

Rock e Futebol - Visitantes e a paixão pelo futebol e o Ramalhão

Capa do CD dos Visitantes

Voltando com a série Rock e Futebol, O Curioso do Futebol entrevistou os Visitantes. Com seu punk rock / HC visceral, a banda formada por Mau, Mari, Gui, Jão e Enrique canta a sua paixão pelo EC Santo André, o Ramalhão, em suas letras. Batemos um papo com o guitarrista e vocalista Mauricio Noznica, o Mau, que contou a história da banda, que está lançando o CD "Louca e Inexplicável Emoção".

Show em Buenos Aires

O Curioso do Futebol: Como surgiu a ideia de criar uma banda com temáticas de futebol?
Mau: Surgiu da nossa própria vivência, principalmente entre eu, a Mari e o Gui, que sempre víamos os jogos do Santo André juntos e fazíamos algumas ações diferentes, como faixas, adesivos e colagens pela cidade. Também tínhamos ainda um projeto chamado Futebol Rompendo Fronteiras, que foi uma série de viagens que fizemos juntos a países da América Latina para ver futebol. Como sempre estivemos ligados à cena punk, era comum a gente ir em shows nesses países e um dia nos perguntamos: "por que não montar uma banda só pra tocar nessas viagens?" O Gui tocava bateria e eu guitarra. Então, sobrou pra Mari aprender o básico para tocar baixo (em menos de 20 dias) e nos acompanhar primeiro em um show/ensaio em Buenos Aires e depois em uma mini tour.

Saudosa Maloca, versão do clássico de Adoniram Barbosa

OC: Quando a banda começou?
M: Consideramos o começo da banda esse primeiro "show/ensaio" em Buenos Aires, em 2013, como disse na pergunta anterior.

OC: Qual é a atual formação da banda? Qual o time de cada um dos membros? A banda já teve trocas na formação?
M: A banda sempre teve como formação quatro torcedores do Santo André: Mau, Mari, Gui e Jão. Recentemente, tivemos a entrada do Enrique, que não tinha uma ligação tão forte com o meio futebolístico, mas que começa a entender o mundo do Ramalhão.

Hino do Ramalhão

OC: Os membros tocam ou já tocaram em outras bandas? Se sim, quais?
M: Eu fiz parte do Tercera Classe e Fora de Jogo; o Gui do PPA, Fora de Jogo e Sweet Subúrbia, onde ainda toca; o Jão esteve no Fora de jogo; o Enrique no Explorados; e no caso da Mari é sua primeira banda.

OC: Como a banda define o seu estilo e quais são as suas influências?
M: A banda faz um rock n'gol, um estilo que ainda possui poucas bandas, mas que fazem a alegria de quem curte futebol e rock n'roll. Nessa linha, as influências para o Visitantes são: Tango 14, Flicts, 88Não, A77aque, Antibanda, Stiff Litle Fingers e Ramones. Além disso, trazemos muitas características de nossas ex-bandas, além dee muita coisa que cada um ouve, que vai de Raul Seixas, e Zé Ramalho a Vela Puerca, Eskorbuto e Bad Religion. Enfim, é muita coisa!

A vibrante 'Aqui é A2'

OC: Os membros da banda costumam a acompanhar seus times na arquibancada?
M: Não só acompanhamos nosso time, como, normalmente, o fazemos juntos. Respondo essas perguntas ainda rouco depois de um Juventus 1 x 1  Santo André, onde estivemos eu, Mari e Gui, mais uma vez juntos!

OC: Pelo que percebi, a banda tem uma espécie de intercâmbio com outros grupos. Quais são eles, de onde são e a temática também é sobre futebol?
M: Os intercâmbios são realizados com bandas e torcedores que se identificam com o nosso jeito de pensar, sempre contra qualquer tipo de pensamento racista, xenófobo, fascista, homofóbico e que, acima de tudo, curta mais viver do que apenas resmungar. Daí já surgiram muitas amizades na América Latina, junto a várias torcidas argentinas, uruguaias, chilenas, além de outras. Também temos contatos na Europa, junto ao pessoal do St Pauli, do Sant Andreu, do Rayo Vallecano, entre outros.

Show na Argentina em 2014

OC: Já fizeram shows? Quais foram os mais legais?
M: Fazemos poucos shows. Somos andreenses demais pra conseguir tocar em qualquer lugar do Brasil que não seja aqui em Santo André (risos). Acabamos tocando na sede da Fúria Andreense (NR: torcida organizada do EC Santo André) sempre que possível e nas viagens que fazemos por outros países.

OC: Quais as músicas preferidas?
M: Ainda temos poucas músicas, as "preferidas" são as cinco primeiras que acabamos de gravar para o disco "Louca e Inexplicável Emoção". São elas: o 'Hino do Santo André', 'Dona Tosca', 'Aqui é A2', 'Ai que Saudades Que Dá' e 'Jogo Fora'.

Clipe de 'Dona Tosca'

OC: Caso queira, fique a vontade para acrescentar alguns assuntos:
M: Agradecemos ao Victor (NR: editor de O Curioso do Futebol) que além de amigo de arquibancada (que fique claro, além de torcedores do Santo André, somos admiradores do futebol como cultura, e possuímos outros projetos paralelos seja o As Mil Camisas ou o Expulsos de Campo) é também um grande "registrador" de histórias do futebol e está aí registrando nossa primeira entrevista.

Os Visitantes têm os seguintes canais de comunicação: através do e-mail punkabc@ig.com.br ou através de sua página no Facebook. Através destas vias, você pode entrar em contato com a banda, conhecer ainda mais o trabalho e também adquirir o CD "Louca e Inexplicável Emoção".
←  Anterior Proxima  → Inicio

0 comentários:

Postar um comentário

O Curioso do Futebol

O Curioso do Futebol
Site do jornalista Victor de Andrade e colaboradores com curiosidades, histórias e outras informações do mundo do futebol. Entre em contato conosco: victorcuriosofutebol@gmail.com

Facebook

Twitter

YouTube

Aceisp

Total de visualizações