quarta-feira, 17 de fevereiro de 2016

Clássico Bisavô agita o Rio nesta quinta. Confira o retrospecto

Um dos embates mais tradicionais do futebol brasileiro (foto: Vitor Costa / FutRio.net)

Acontece nesta quinta-feira, dia 18, às 21 horas, acontece 278º confronto entre duas equipes tradicionalíssimas do futebol carioca, América e Bangu. O jogo entre as duas agremiações é conhecido como Clássico Bisavô por ser o mais antigo do Rio de Janeiro, ganhando por dois meses do conhecido Clássico Vovô, o embate entre Botafogo e Fluminense.

São duas equipes que tiveram seus dias de glória no futebol carioca e brasileiro. O América foi sete vezes campeão estadual, sendo a última em 1960. Também conquistou a Copa dos Campeões dos Campeões da CBF, em 1982, e foi semifinalista do Brasileirão de 1986.

Já o Bangu conquistou o Campeonato Carioca em duas oportunidades: 1933 (o primeiro estadual do Rio profissional) e 1966. Em 1985, a equipe conseguiu a proeza de ser vice campeã do Campeonato Carioca e do Brasileirão, em uma final histórica, onde perdeu o título para o Coritiba nos pênaltis.

Maracanã foi palco do clássico

Vários craques vestiram a camisa das duas equipes. Pelos americanos, Edu, irmão de Zico, Luisinho Lemos, Djalma Dias e Belfort Duarte. Pelo Bangu, Domingos da Guia, Zizinho, Mauro Galvão e o folclórico Marinho. Todos eles jogadores de Seleção Brasileira.

A história deste clássico começa em 6 de agosto de 1905, em partida que o Bangu venceu o América por 6 a 1. Por ironia do destino, o gol de honra dos americanos, feito por Amilcar Teixeira Pinto, é o primeiro da história do clube. Esta também foi a maior goleada do time da Zona Oeste do Rio de Janeiro na história do clássico. O placar mais elástico feito pelo Diabo foi em 4 de setembro de 1910: 9 a 0.

O Clássico ocorreu em quatro oportunidades pelo Brasileirão, com vantagem do Bangu, que venceu duas vezes, com uma vitória do América e um empate. Na Série B, o embate aconteceu em três oportunidades, também com vantagem do Alvirrubro da Zona Oeste, com duas vitórias, contra uma dos americanos.

Torcedores das duas equipes (fotos: Wagner Ferreira / FutRio.net)

Já a partida realizada entre as duas equipes, no dia 6 de novembro de 1983, no Maracanã, com placar de 3 a 1 para o Bangu, entrou para a história: Os 38.774 torcedores que estavam presentes marcam o maior público do clássico de todos os tempos.

No retrospecto geral, quem tem a vantagem é o América. Nos 277 jogos até aqui, são 107 vitórias do Diabo, com 506 gols, contra 102 triunfos do Bangu, com 437 tentos marcados. Também aconteceram 68 empates.

O último jogo entre as duas equipes válido pela divisão principal do Campeonato Carioca foi em 13 de março de 2011. Apesar da partida ter sido no Giullite Coutinho, estádio do América, o Bangu venceu por 3 a 1. Já o último confronto foi em 5 de novembro de 2014, pela Copa Rio. A partida foi realizada em Moça Bonita, mas os americanos levaram a melhor: 2 a 0.

Clássico tem muita história (foto: André Luiz/América-RJ)

Por toda esta história, o jogo desta quinta-feira, entre América e Bangu, no Giullite Coutinho, é imperdível. O SporTV promete transmissão ao vivo da partida, a partir das 21 horas. É imperdível!
←  Anterior Proxima  → Inicio

4 comentários:

  1. A torcida reunida até parece a do Fla-Flu, BANGU BANGU BANGU

    ResponderExcluir
  2. Saaaangue! America unido vencerás!
    Temos 7 títulos cariocas, somos campeões dos campeões e possuímos uma torcida infinitamente maior que a do Banguzinho. Só vai dar sangue...

    ResponderExcluir

O Curioso do Futebol

O Curioso do Futebol
Site do jornalista Victor de Andrade e colaboradores com curiosidades, histórias e outras informações do mundo do futebol. Entre em contato conosco: victorcuriosofutebol@gmail.com

Facebook

Twitter

YouTube

Aceisp

Total de visualizações