quarta-feira, 9 de dezembro de 2015

Clássico define campeão do Clausura do Campeonato Paraguaio

No último clássico, vitória do Olimpia por 3 a 1

Assunção, capital do Paraguai, vai parar a partir das 18 horas do horário local, 19 horas em Brasília, desta quarta-feira. Olimpia e Cerro Porteño, o maior clássico do futebol guarani, se enfrentam para definir o campeão do Torneio Clausura do Campeonato Paraguaio, no mítico Estádio Defensores del Chaco. Como a Associación Paraguaya de Fútbol considera os vencedores dos dois turnos (Apertura e Clausura) como campeões nacionais do ano, o jogo vale taça!

O Campeonato Paraguaio é realizado no sistema de pontos corridos. Porém, o regulamento prevê que em caso de empate de pontos na liderança, não há desempate em outros critérios, como saldo de gols, número de vitórias ou tentos marcados. Quando acontece casos do tipo, é realizada uma partida extra. Como Olimpia e Cerro Porteño terminaram a competição com os mesmos 44 pontos, o clássico vai definir o campeão do Clausura, com arbitragem de Eber Aquino. Em caso de igualdade no tempo normal, a taça será decidida nos pênaltis.

Mas no último fim de semana, o Olimpia teve tudo para garantir a conquista sem precisar da partida extra. Caso conseguisse uma simples vitória sobre Deportivo Santaní, no sábado, era o campeão do Clausura. Porém, como o resultado foi um 0 a 0, a decisão havia ficado para o dia seguinte, no jogo entre Cerro Porteño e Sportivo Luqueño. E os campeões do Apertura 2015 conseguiram uma importante vitória por 3 a 2, forçando o jogo desempate.

Melhores momentos do último confronto

Olimpia e Cerro Porteño fazem o principal clássico paraguaio e um dos mais importantes de toda a América do Sul. A história deste confronto começou em 1913 e este primeiro jogo já causa discordância. A bíblia do futebol, a RSSSF, dá o resultado de 2 a 2. Porém, historiador do futebol paraguaio Miguel Ángel Bestard afirma que este primeiro encontro terminou com o placar de 3 a 1 para o Cerro Porteño. O último confronto, realizado em 1º de novembro deste ano, teve vitória do Olimpia por 3 a 1.

O retrospecto deste grande clássico tem um grande equilíbrio. Em 413 jogos, contando os oficiais e amistosos, foram 145 vitórias para cada equipe e 123 empates. O Olimpia marcou 570 gols e o Cerro Porteño 559. Além do título, a partida de hoje pode dar a vantagem para um dos dois rivais na história do confronto.

Outra característica interessante é que o clássico aconteceu pela Copa Libertadores em 32 oportunidades. É uma das partidas que mais ocorreram na competição continental. É claro que esta estatística é ajudada pela época em que o torneio recebia duas equipes por país e elas ficavam no mesmo grupo, forçando o confronto. Na Libertadores, a vantagem é do Olimpia, com 11 vitórias. O Cerro ganhou em 9 oportunidades e ainda houveram 12 empates.

Jogo entre as duas equipes nos anos 90

Aliás, é nesta competição que vem o maior debate do futebol paraguaio. O Olimpia já foi campeão da Libertadores em três oportunidades: 1979, 1990 e 2002. O Cerro Porteño nunca conseguiu chegar à final da Copa, apesar de ter várias semifinais no currículo. Além disso, o 'Rey de Copas' conquistou a Supercopa da Libertadores também em 1990. O rival nunca conseguiu um título internacional.

Em títulos nacionais, a vantagem também é do Olimpia, com 39 títulos contra 31 do rival. Por isso, a partida de hoje é muito importante e vai mexer, com certeza, com os brios dos fãs de futebol no país vizinho. Pena que esta partida não será transmitida ao vivo no Brasil.
←  Anterior Proxima  → Inicio

0 comentários:

Postar um comentário

O Curioso do Futebol

O Curioso do Futebol
Site do jornalista Victor de Andrade e colaboradores com curiosidades, histórias e outras informações do mundo do futebol. Entre em contato conosco: victorcuriosofutebol@gmail.com

Facebook

Twitter

YouTube

Aceisp

Total de visualizações