quarta-feira, 15 de julho de 2015

O primeiro ouro no Pan do futebol feminino brasileiro

Equipe campeã em 2003

Ontem, O Curioso do Futebol falou sobre a última vez em que o futebol masculino brasileiro conquistou o título nos Jogos Pan-Americanos da modalidade. Hoje, vamos abordar a primeira vez em que a Seleção Brasileira Feminina ganhou o Ouro no evento, no Pan de 2003, em Santo Domingo, na República Dominicana.

Vale lembrar que o Futebol Feminino estreou em Pan-Americanos na edição de Winnipeg, no Canadá, em 1999. Porém, naquele ano, os filiados à Confederação Sul-americana de Futebol (Conmebol), menos o Uruguai, boicotaram o torneio. No futebol feminino, apenas seleções das Américas Central e Norte disputaram a competição e o título ficou com os Estados Unidos.


Comemoração de gol contra a Argentina

Em Santo Domingo 2003, seis equipes entraram na disputa: no Grupo A, estavam Canadá, Haiti e Brasil. No B, México, Argentina e Costa Rica. Duas equipes de cada grupo avançavam às semifinais. As partidas da primeira fase foram realizadas no Estádio Panamericano, em San Cristóbal.

O Brasil estreou na competição no dia 2 de agosto daquele ano, contra o Haiti. Em um jogo relativamente fácil, Marta, Kelly, Formiga, Renata Costa e Maycon construíram o placar de 5 a 0.

Na segunda rodada, a Seleção Brasileira descansou e assistiu o Canadá ganhar do mesmo Haiti por 4 a 1. Com este resultado, um empate na última rodada garantiria o primeiro lugar no Grupo.

Porém, o que se viu no dia 8 de agosto foi uma ‘senhora aula’ de futebol das brasileiras. Mais 5 a 0 na conta, com gols de Renata Costa, Formiga, Marta, Maycon e Elaine. O time brasileiro jogava um futebol interessante e misturava as gerações de Renata Costa, Formiga e Maycon com a de Marte e Cristiane, esta que era reserva no Pan, mas que deixaria sua marca na competição.

Como primeiro lugar no Grupo A, o Brasil enfrentaria na semifinal o segundo do B, a Argentina. A partir daquele momento, os jogos seriam realizados no Centro Olímpico Juan Pablo Duarte, em Santo Domingo.

No dia 11 de agosto, a Seleção Brasileira entrava em campo para enfrentar as argentinas. Em dia inspirado de Marta, que já mostrava qualidades de ser a melhor do mundo, o Brasil ganhou de 2 a 1, com dois gols dela.


Na entrega das medalhas

Classificadas para a final, as brasileiras iriam enfrentar novamente as canadenses, que venceram o México por 3 a 2. Mas quem esperava outra goleada, teve sua previsão quebrada. “Ganhamos bem na primeira fase, mas penamos para vencê-los na final”, relembra a ex-jogadora e capitã daquele time, Juliana Cabral, em entrevista dada para Roberta Nina, do site dibradoras.

A final estava marcada para o dia 14 de agosto, 19 horas do horário local. Porém, com 24 minutos de partida, quando o placar ainda apontava 0 a 0, uma chuva torrencial caiu Centro Olímpico Juan Pablo Duarte e o jogo teve que ser transferido para o dia seguinte.

A partida reiniciou e 19 minutos depois, Formiga abriu o marcador para as brasileiras. Porém, no segundo tempo, o Canadá voltou melhor e depois de insistir muito, Kiss, aos 21, deu números iguais. Depois, a partida ficou aberta, ambas as equipes tiveram chance, mas a decisão do ouro foi para a prorrogação.

Mas as equipes e os torcedores que estavam assistindo o jogo nem tiveram tempo de respirar. Com 1 minuto de prorrogação, Cristiane, ainda novata na Seleção e que saiu do banco de reservas, marcou para o Brasil. Como na época existia o ‘gol de ouro’ (a prorrogação terminava assim que saia um gol), as brasileiras garantiram a medalha dourada!


Melhores momentos da final

“O jogo foi duríssimo, vencemos na prorrogação com o ‘golden goal’ da Cris, que ainda era novinha e reserva daquele time. O gol mais importante daquele Pan foi a Cristiane quem fez!”, disse Juliana Cabral na mesma entrevista citada anteriormente.

A base deste time campeão pan-americano conquistou também duas medalhas de prata olímpicas (2004 e 2008), um vice campeonato mundial (2007) e o bi-campeonato do Pan em 2007.
←  Anterior Proxima  → Inicio

0 comentários:

Postar um comentário

O Curioso do Futebol

O Curioso do Futebol
Site do jornalista Victor de Andrade e colaboradores com curiosidades, histórias e outras informações do mundo do futebol. Entre em contato conosco: victorcuriosofutebol@gmail.com

Facebook

Twitter

YouTube

Aceisp

Total de visualizações