sábado, 30 de maio de 2015

Briosa se reabilita com gols de '75 anos de idade'

Rodrigão, 36 anos, e Ricardinho, 39. Dois gols cada

O centroavante Rodrigão, de 36 anos, teve sucesso em sua volta aos gramados depois de uma aposentadoria de um ano. O ex-gerente de futebol da Portuguesa Santista marcou os dois primeiros gols na vitória da Briosa por 4 a 0 sobre o Ecus em Suzano, em jogo realizado na tarde deste sábado, dia 30, pelo Campeonato Paulista da Segunda Divisão, a Bezinha. Os outros tentos da partida foram marcados pelo experiente meia e capitão da equipe, Ricardinho, de 39 anos. A soma de idade dos dois artilheiros do jogo chega aos 75 anos.

A semana na Briosa foi marcada por uma surpresa. Depois da derrota para o Mauaense no último domingo, por 3 a 1, o gerente de futebol do clube, Rodrigão, resolveu o problema da falta de camisa 9 no elenco. Em acordo com a diretoria, cancelou sua aposentadoria dos gramados, fez o jogo treino contra os reservas do Santos no meio da semana e, na sexta-feira, apareceu no site da Federação Paulista como atleta inscrito. Estava apto para o jogo deste sábado. Vale ressaltar que o clube da cidade praiana vinha de três jogos sem vitória.

No início, o Ecus manteve o jogo equilibrado

Antes da partida, os cerca de 30 torcedores da Portuguesa Santista que subiram a serra gritaram o nome de todos os titulares, sendo que Rodrigão foi o mais saudado. O jogo iniciou equilibrado, com o Ecus forçando os jogos pelas laterais. A equipe da casa segura a lanterna do Grupo 3 da competição e precisava mostrar serviço. Com menos de 10 minutos, eles chegaram, pelo menos, duas vezes com perigo ao gol da Portuguesa Santista. Em um dos lances, o goleiro Pablo evitou um golaço de letra.

Aos poucos, a Briosa começou a dominar o jogo. Aos 25, Rodrigão marcou, mas estava em posição irregular. Mas o estreante centroavante não passaria em branco: em escanteio cobrado pelo lado direito do ataque, aos 36 minutos, Cícero desvio no primeiro pau e a bola sobrou para Rodrigão, que sozinho balançou as redes. Portuguesa 1 a 0.

Lance em que saiu o primeiro gol da Briosa

Com o gol sofrido, o Ecus foi pra cima, tentando o empate e deixou o contra-ataque para a Portuguesa, que se aproveitou da situação. Aos 40, Ricardinho lançou Rodrigão que na entrada da área chutou a bola, que desvio na zaga e matou o goleiro do Ecus. Segundo gol do centroavante e da Portuguesa na partida.

No final do primeiro tempo, praticamente junto ao apito de encerramento da etapa incial, um jogador do Ecus machucou gravemente e teve que ser levado com urgência de ambulância para o hospital mais próximo. Até a ambulância voltar, o jogo atrasou cerca de 30 minutos.

Se o primeiro tempo foi do experiente centroavante Rodrigão, quem dominou a segunda etapa foi o meia Ricardinho, de 39 anos. Ele comandava todas as ações da Briosa, que dominou completamente o Ecus naquele momento da partida. Aos 29 minutos, ele fez uma bela jogada e na entrada da área finalizou no canto esquerdo do goleiro do time da casa. Briosa 3 a 0.

O domínio Rubro Verde continuou no segundo tempo

Aos 43 minutos, Moacir, que entrou no lugar de Guilherme, machucado, puxou o contra-ataque e sofreu falta do zagueiro do Ecus. Ricardinho, que acompanhava o lance, aproveitou que o árbitro deu vantagem, viu o goleiro adiantado e marcou um golaço, dando números finais à partida.

Com a vitória de 4 a 0 e a reabilitação, a Briosa foi a 13 pontos na competição e agora enfrenta o líder do grupo, o São Bernardo, no próximo sábado, 15 horas, em Ulrico Mursa. Já o Ecus continua com apenas um ponto e terá pela frente o clássico local contra o União Suzano, no mesmo dia.


Ficha técnica

Ecus: Bruno, Airton, Lucas Johnathan, Romualdo (Bruno Henrique), Tanrley, Gabriel, Victor (Kaique), João Luis, Felipe (Deghliê), Romario e Yan

Portuguesa Santista: Pablo, Cícero, Joeber, Juliano, Felipe (Caique Ribeiro), Stefano, Rodrigão (Carlos Henrique), Ricardinho e Guilherme (Moacir)

Cartões amarelos: Portuguesa Santista (Rodrigão e Stefano); ECUS (Lucas)

Gols: Rodrigão (36 e 40 do 1º T) e Ricardinho (29 min e 43 min do 2ºT)
←  Anterior Proxima  → Inicio

Um comentário:

  1. Importante resultado, uma grande reabilitação e uma presença bem inusitada. a volta de Rodrigão mostrou-se acertada, tendo lenha ainda pra queimar e ajudar a Briosa dentro de campo. Que possamos continuar bem no decorrer da competição.

    ResponderExcluir

O Curioso do Futebol

O Curioso do Futebol
Site do jornalista Victor de Andrade e colaboradores com curiosidades, histórias e outras informações do mundo do futebol. Entre em contato conosco: victorcuriosofutebol@gmail.com

Facebook

Twitter

YouTube

Aceisp

Total de visualizações